Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Olha o gajo que esteve clinicamente morto!!!

12.01.16publicado por Gato Pardo

Sim...

As primeiras palavras que o meu médico me disse hoje foram essas. Eu até nem me importaria muito se ele as tivesse dito dentro do consultório. Mas nããããão... Aquele pulha de meia tigela tinha de dizer aquelas sete palavrinhas numa sala de espera atolada de gente. Resultado? Metade daquela gente deve ter ficado a pensar que tomo Calcitrim às colheradas. Mas eu explico. Uns meses atrás, fui fazer análises de rotina. Nada de extraordinário, não fosse o laboratório em questão ter trocado os valores das análises por valores verdadeiramente absurdos. Enviei o mail da praxe ao médico (juntamente com meia dúzia de piadas porcas que envolvem o SNS) com as análises. Nem cinco minutos depois, recebo um mail escrito em CAPS LOCK.

"CONFIRMA DE IMEDIATO OS VALORES COM O LABORATÓRIO. SE ESTIVEREM CORRECTOS, SEGUE DE IMEDIATO PARA O HOSPITAL"

Em circunstâncias normais, tinha ficado em pânico. Mas eu não sou um gajo normal. Fui beber um café, fumar um cigarro, apreciar a vista da janela e liguei para o laboratório.

- Estou sim?

- Sim. Olhe, eu estive aí uns dias atrás a fazer umas analises que reencaminhei para o meu médico. O problema é que ele após uma análise cuidada das mesmas, diz que eu estou clinicamente morto. Ora bem, dada a impossibilidade de eu lhe estar a ligar estando em estado de decomposição avançada, era só para confirmar se vocês fizeram asneira da grossa.

- Hã...

- Amigo, isto é relativamente simples. Análises... Valores marados? Vocês fizeram m*rda. Valores correctos? Eu estou morto e você ganhou uma história dos diabos para contar aos seus filhos. No que é que ficamos?

- Pode-me dar os dados referentes às análises em questão e aguardar um pouco?

E fui colocado em espera. O que para um gajo que potencialmente estava morto, é deveras frustrante. Dez minutos depois, o homem lá deu sinal de vida (e o morto era eu...).

- Sr. Gato Pardo? Pois, realmente verifica-se que houve uma troca nos seus valores de referência das suas análises.

- A sério (modo sarcasmo very very on...)? Não me diga...

- Lamentamos que isso lhe tenha causado algum inconveniente.

- Não, nada disso... Acha? O meu médico achava que eu estava morto e a minha família já estava a fazer contas ao dinheiro que ia ganhar com a doação de órgãos. Inconvenientes? Nah... Deixe lá isso. Fiquem bem.

Lá confirmei com o meu médico que afinal de contas, ainda estava vivo (e que se ele se portasse bem, ainda lhe pagava um café na próxima visita) e com uma saúde de ferro.

A resposta dele?

"Divertiste-te com o pessoal do laboratório, não foi?"

Que imagem tão má que têm de mim. Não há como não ir arder no inferno...

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.